16 de junho de 2010

Empresa vai estudar DNA de Ozzy Osbourne para entender como ele ainda está vivo
Cientistas esperam que mapeamento explique como drogas são absorvidas pelo corpo
15/06/2010 - Cientistas de uma empresa de genética anunciaram, nesta terça-feira (15), que vão mapear o código genético do roqueiro Ozzy Osbourne para tentar descobrir como ele ainda está vivo depois de décadas de abuso de drogas e álcool.

O ex-vocalista da banda Black Sabbath é apenas uma das poucas pessoas no mundo cujos genomas serão analisados. Os cientistas esperam que o teste de R$ 71,29 mil, que dura três meses, ofereça informações sobre como as drogas são absorvidas pelo corpo humano.

Ozzy, 61 anos, viveu uma vida que, teoricamente, mataria uma pessoa comum. Até o cantor não consegue entender como sobreviveu por muito tempo, tanto que, recentemente, disse que é “um milagre da medicina” depois de 40 anos entornando todas.

O cantor admitiu beber quatro garrafas de conhaque por dia em uma certa época, “até desmaiar, acordar e voltar a beber”.

Ozzy mordeu a cabeça de um rato durante um show do Black Sabbath e, em 2003, quebrou o pescoço em um acidente com uma moto de quatro rodas. Ele também possui uma doença genética parecida ao mal de Parkinson e, em pelo menos uma vez, já foi internado em uma clínica de reabilitação. (segue...) Fonte: R7.

Nenhum comentário: